10 de jul de 2008

Visualizar o escondido
Visualizar o esquecido
Visualizar o culpado
Visualizar o condenado
Visualizar o defeito
Visualizar a perfeição
Visualizar a ardência
Visualizar a medicação
Visualizar a angústia
Visualizar a dor
Visualizar a perda
Visualizar a safadeza
Visualizar a indiferença
Visualizar a amizade
Visualizar o que não posso
Visualizar o que não deve ser nem tocado, nem visto, nem desejado, nem descrito.

Nenhum comentário: