5 de dez de 2009

WELCOME TO THE JUNGLE



Antes de entrar, Ozzy Osbourne sai à procura de alguns pombos: está com fome. Stefhany, absoluta, estaciona seu Crossfox ao lado do carro funerário de Michael Jackson. Morto ou vivo, ele não poderia deixar de comparecer à festa. Lá dentro, ao mesmo tempo em que Julian Casablancas escorrega em rastros do silicone que vazou da Amy, alguma força estranha derruba Dinho Ouro Preto e Caetano do palco - juntos. Rihanna está na área VIP, mas o Chris Brown não - depois dos últimos acontecimentos, o litígio jurídico impede que ele fique a menos de 30 metros da diva pop. Na porta do banheiro, George Micheal parece esperar pelo segurança. Eminem bebe tequila e está feliz: acabou de ganhar seu processo contra a mãe. Ângela Ro Ro fica em dúvida se flerta ou não com Lady GaGa: o que esperar de sua sexualidade?

WELCOME TO THE JUNGLE - Dance a música! Seja o astro.
5/12 - 23h - Célula Cultural Mané Paulo - Rod. João Paulo, 75
Festa à fantasia.

rock show:
STEREO TIPOS (rock'n'roll/pop-rock/rockabilly)

line-up:
//andrew getty
//carlão
//the face of the ROCK'N'RIO

+++ petit-comité com paparazzi
+++ exibição de clipes toscos do rock!
+++ pinga pra melhor fantasia

$10 com nome na lista (confirme sua presença aqui ou mande e-mail para meaddproducoes@gmail.comi)
$15 sem

http://festawelcometothejungle.blogspot.com
@welcomejungle

30 de nov de 2009

WELCOME TO THE JUNGLE



A Welcome to the Jungle vai te proporcionar uma verdadeira noite de astro! Além de curtir a balada com muita gente bonita, interessante e famosa, você pode ser nosso convidado VIP!

Fuck yeah!

Vão rolar dois sorteios e pra concorrer é muito, muito fácil. Segue a festa no Twitter (www.twitter.com/welcomejungle) e dá aquela tweetada básica na seguinte frase:

"Quero ser um astro da música e VIP na festa @welcomejungle, dia 5, no Célula. (http://twitpic.com/rn77h)"

Os sorteios serão feitos na quinta (dia 03/12), às 22h, e quanto mais retweets, mais chances você tem de ser uma de nossas very important persons.

Corre lá e rock on, mothafuckas!
 Mais informações em: http://festawelcometothejungle.blogspot.com/

27 de nov de 2009

Família é bom, né

Meu primo não quis mais viver e resolveu por ele mesmo ir embora desse mundo. Meus pais não me contaram. Eu soube pelo meu irmão através do msn. Entendo porque eles não me falaram, mas acho que eu tinha direito a essa informação.
Então quando eu soube, fiquei firme, fria, falando pro meu irmão: Por que que eles não me falaram? Como se eu não convivesse com isso todo dia...então não tratei do assunto. Não tive tempo pra pensar sobre isso. Não ando tendo tempo pra muita coisa.
Mas hoje cheguei em casa e tinha uma mensagem no meu orkut, de uma prima que ta morando no Japão. Então li e lembrei da minha família, da infância, de como era bom e de como a gente se gostava e convivia. O tempo passou, a gente cresceu, e aí está a msg que eu recebi por orkut da minha prima:

PARA..GRAZY,LILA, ,DANY,GUTO,DAN,VA,BI,MARQUINHO,GLAU,DEBO
,HELO,POPI,LEUSA,CLEVI,SID,ISO,DRI...E LUCI E ANE(IM MEMORIAN)
Lembro bem desse povo ai sabe, eles sumiram, hoje existem outros nomes, ate parecem outras pessoas, mas tem coisas que nao esqueco..como esquecer da Gazela,sua saia com shorts por baixo e seu inseparavel pacote de bolacha,quem nao lembra da tia Romilda gritando CLEVIIIIIII,da Popi e seus concursos de rainha das flores com seu enooorme cabelo ,da Bi e sua goela inconfundivel (fazemos uma bela dupla de insurdecedoras.rs),a Lila..quem nunca foi no grupo assistir aula na sala dela e brincar no bambuzal,o Dan na sua infinita bondade sempre sofrendo por causa da irma dele, o Va tadinho.so choravaaa..a gente sempre deixava ele pra tras,o Glau sempre foi o fortao,dava ate medo...o sid falando YEAH POLACO,meu pai ia ao delirio.rs,o Iso uma noite o ISO sumiu, ficamos apavorados,qdo vimos ele ia subindo a rua com 2 picoles na mao pra adri e pra tia todo faceiro, tinha passado a noite na balada...ai.., a Debo veio reinar sua beleza na familia, a Helo vai ser a eterna baba dos pequeninos, a Dri..gente ela tinha o disco do Menundo, a gente ia la so pra escutar 100 vezes, o Marquinho era mais velho e lindo, lembro da Dany limpando meu nariz na praia, do Guto chupando o dedao e os outros dois dedos no nariz, a Leusa deve chupar o dedo ate hj ne, e ainda anda com ele pra cima pra nw sujar...e pra dar mais saudade ainda lembro do Luci andando de skate no ralf q ele fez e da Ane...ahhh....ouco ainda ela cantando Imagine

Eh...o tempo passa as pessoas se afastam mas tem coisas que ficam no coracao e nao se apagam nunca

EU TE AMO MUITO
VOCE EH MINHA FAMILIA


Não preciso nem dizer que depois disso foi que caiu a ficha sobre o meu primo, sobre a minha família e eu chorei baldes. Mas as vezes chorar faz bem, né?

PS: Dany que ela cita sou eu! GUTO é meu irmão. Todas as outras pessoas citadas são meus primos, que eu não vejo faz um tempo e que eu estou com muitas saudades.

23 de nov de 2009

blank

Esse semestre tem sido muito difícil pra mim. Parace que tudo resolveu acontecer e explodir de uma vez só. Tem tanta coisa girando pela minha cabeça que fico tonta constantemente. Por isso abandonei um pouco o blog. Também, depois de facebook com mil aplicativos e twitter, impossível dar atenção a tudo! Sim, até o Twitter me pegou, agora sou @dayaestevam, assim como na época do fotolog as pessoas se conheciam como /algumacoisa, só mudou o caractere da frente, a exposição é a mesma. Mas o twitter tem uma coisa muito legal, que é a de possibilitar as pessoas "comuns" poder saber coisas sobre seus ídolos de uma maneira diferente, do dia a dia dele, do que ele está lendo, do filme que ele vê, assim você pode aprender a gostar mais ou desgostar de uma pessoa. Já tive essa experiência.
Hoje não fui trabalhar. Tive que fazer uma endoscopia (pela milésima vez na vida) e por isso peguei atestado e passei a tarde em casa. Nossa! Como foi bom! Fiquei tão feliz! Acho que o motivo da felicidade é a minha infelicidade em estar trabalhando no meu local de trabalho. Estou cada dia acreditando menos no que faço e sentindo que tenho que sair de lá logo, logo. Foi por isso que parti pra idéia de fazer medicina. Agora trabalho, estudo pro vestibular e não tenho tempo pra mais nada! Ontem fiz uma prova, mas sou bem pé no chão. Não tenho tempo de me dedicar aos estudos que um vestibular pra medicina exige, e também não estou tendo tempo e vontade pra me dedicar ao meu trabalho. Então só me resta escolher um dos dois...mas acho que preciso mais algumas sessões de terapia (sim, isso também é novo na minha vida)
Outra mania boa que adquiri esse ano foi a dos Stand Up Comedy. Viciei! Sigo todos os meus preferidos no twitter, vejo os vídeos no youtube e morro de dar risadas!
Falando em risadas, hoje é dia de CQC, vou terminar algumas coisas aqui e me preparar para o meu programa de tv preferido!
bjotchau!

20 de nov de 2009

13 de nov de 2009

Nota: hoje é 6ª feira 13!

MOMENTO ROBERTO CARLOS...

Hoje, eu ouço as canções que você fez pra mim
Não sei por que razão tudo mudou assim
Ficaram as canções e você não ficou
Esqueceu de tanta coisa que um dia me falou
Tanta coisa que somente entre nós dois ficou
Eu acho que você já nem se lembra mais
É tão difícil olhar o mundo e ver
O que ainda existe
Pois sem você meu mundo é diferente
Minha alegria é triste
Quantas vezes você disse que me amava tanto
Tantas vezes eu enxuguei o seu pranto
E agora eu choro só sem ter você aquí




 As Canções que você fez pra mim - Roberto Carlos

29 de set de 2009

Essa tua cara feia, carrancuda, às vezes me dá medo e às vezes me intriga.
No que será que você tanto pensa?

28 de set de 2009

GOSTO PORQUE GOSTO

Gosto das pequenas coisas da vida.
Gosto do meu quarto, da minha cama.
Gosto das flores nessa época do ano (mesmo me dando alguma alergia)
Gosto do abraço, dos meus amigos vindo almoçar no domingo aqui em casa.
Gosto da sensação de voltar pra casa depois de um dia cheio de trabalho.
Gosto daquele cheiro familiar, daquele beijo de bom dia.
Gosto de dia de aniversário.
Gosto daquela mensagem recebida sem esperar.
Gosto de ver o sorriso das pessoas.
Gosto de ver fotos, relembrar, sonhar...

27 de set de 2009

Samba do Veloso

Ah, bem melhor seria
Poder viver em paz
Sem ter que sofrer
Sem ter que chorar
Sem ter que querer
Sem ter que se dar

Mas tem que sofrer
Mas tem que chorar
Mas tem que querer
Pra poder amar

Ah, mundo enganador
Ah, não quer mais dizer amor
Ah, não existe coisa mais triste que ter paz
E se arrepender, e se conformar
E se proteger de um amor a mais

O tempo de amor
É tempo de dor
O tempo de paz
Não faz nem desfaz

Ah, que não seja meu
O mundo onde o amor morreu





Vinícius de Moraes
Final de semana de leituras e estudos.
Ontem li "Eles não usam black-tie" (Guarnieri)
Hoje vou terminar "A hora da estrela" (Clarice Linspector)
Esse último me dá arrepios, é tão lindo que chega a doer.
Ja tinha ouvido falar que os melhores livros dela eram o primeiro ("Perto do coração selvagem") e o último, que seria 'A hora...', mas não imagina tanto.
Tchau, vou ler e já volto.

19 de set de 2009


No feriado de setembro eu fui visitar a minha mãe, que tinha feito uma cirurgia.
Passei 4 dias na casa dos meus pais, num feriado onde todos estavam indo na maré contrária, pra Capital (onde as coisas acontecem)
Então, sem muito o que fazer, fui mexer nas minhas coisas que ficam guardadas de um jeito inesplicávelmente socado no meu guarda-roupas. Achei várias coisas interessantes e todo um 'túnel do tempo' veio à tona.
Então chegou a vez dos cds. Nossa! Cds! Eu tinha! Remexi, escutei, cantei, ri...que diversão!
Trouxe alguns pra casa e essa semana passei ouvindo o cd que o Diogo fez pra mim (Ogo Ogo's Soundtrack) Tem tanta coisa boa. E é bem a carinha dele, bem indie.
Essa história de gravar música pras pessoas é mto legal. A primeira coletânea que eu ganhei, foi de uma pessoa que era muito especial. Era em fita tape ainda. Tenho até hj. As vezes eu penso em pegar as músicas e passar pra cd pra poder ouvir, depois esqueço...hehehe
Depois vieram outras ainda em tape depois já em cd.
Então assisti o filme High Fidelity e adorei quando vi que o cara gravava tapes pra dar pras pessoas (principalmente pras mulheres )
É legal quando as pessoas gravam o que gostam porque tu acaba lembrando delas mesmo.
Eu também ja fiz coletânea pra presentear. Não foi nada fácil. Tu fica pensando o que pôr, se a pessoa vai gostar, se ela vai parar pra ouvir, se a música A combina com a B que vem em seguida...sim, pq a sequência é importante!
Quer me dar um presente?
Fica a dica!

13 de set de 2009

A MÃO E O CORAÇÃO

Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Num golpe de ilusão haveria inversão
Ao invés de sangue então, escorreria traição

Na leveza da espada
Do ferro que cria marca
Da fronteira a ser cruzada
Do sangue vier água
Densa água a derramar

Desesperada tua mão
Rogaria o perdão
Pela sangria solidão
Que te pode causar

No remorso dessa mão
Que emancipada do corpo está
Confusa pelo cortar
Confusa pelo matar
Quando matar é morrer

Talvez não saberia
Que juntamente iria
Com o corpo morreria
Com o coração que um dia
Pulsante a fez viver

Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração
Respectiva morta mão
Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração
Respectiva morta mão

Desesperada tua mão
Rogaria o perdão
Pela sangria solidão
Que te pode causar

No remorso dessa mão
Que emancipada do corpo está
Confusa pelo cortar
Confusa pelo matar
Quando matar é morrer

Talvez não saberia
Que juntamente iria
Com o corpo morreria
Com o coração que um dia
Pulsante a fez viver

Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração
Respectiva morta mão
Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração
Respectiva morta mão

Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração
Respectiva morta mão
Se o ferro da tua mão
Atingir o coração
Não se renda a ilusão
Quando morto o coração








Quer ouvir? [Aerocirco - A Mão e o Coração]

12 de set de 2009

HIGH FIDELITY

What came first, the music or the misery?
People worry about kids playing with guns
Or watching violent videos that some sort of culture of violence will take them over.
Nobody worries about kids listening to thousands, literally thousands of songs about heartbreak, rejection, pain, misery and loss.

Did I listen to pop music because I was miserable?
Or was I miserable because I listened to pop music?

24 de ago de 2009

Estamos prontos pra partir de novo nossos corações,
não vai ser a primeira vez, eu sei.
Estamos prontos pra partir de novo nossos corações,
não vai ser a primeira vez, nem a última...

7 de ago de 2009

Esse vazio interno que sufoca a alma dos nascidos vivos
Pode ser um temor de que a morte possa chegar a qualquer instante?
Quando a morte, sorrateira e lenta vem nos seguindo ao longo dos anos,
acabamos nos tornado amigos dela.
E de mancinho ela vai nos puxando
"Venha, venha pra cá!", diz aquela voz que o íntimo escuta.
Tendo dias de verão e transgredindo tudo o que possa nos trazer mais vida
acabamos sendo seduzidos e levados.
E nada mais nos alcança. Ninguém mais nos ouve e nos tornamos pó.

3 de ago de 2009

DO LADO DE DENTRO

Abre essa porta
Que direito você tem de me privar?
Desse castelo que eu construí
Pra te guardar de todo mal
Desse universo que eu desenhei
Pra nós, pra nós.

Abre essa porta
Não se faz de morta
Diz o que é que foi
Já que eu larguei tudo pra ti
Já que eu cerquei tudo ao redor
Abre essa porta, vai, por favor,
Que eu sou teu homem viu!
Que eu sou teu homem viu!

Cala essa boca, que isso é coisa pouca
Perto do que passei
Eu que lavei os seus lençóis
Sujos de tantas outras paixões
E ignorei as outras muitas, muitas.

Vai, depois liga
Diz pra sua irmã passar
Que eu vou mandar
Tudo que é seu, que tem aqui
Tudo que eu não quero guardar
Que é pra esquecer de uma só vez
Que este castelo só me prendeu, viu?
Mas o universo hoje se expandiu
E aqui de dentro a porta se abriu.




Quer ouvir?
Do Lado de Dentro - Los Hermanos

24 de jul de 2009

FRIDA KAHLO

RABISCOS

Uma canção.
Eu procuro uma canção.
Daquelas que cante o destino mais cruel.
O mais difícil ou o mais sofrido.
Daquelas que cante a partida.
Daquelas que cante a ausência.
Que me faça sofrer e depois que me faça explodir de emoção em cada berro chorado a cada estrofe.
E que no final envolva minh'alma nos acordes da guitarra e me acalme.
Eu procuro uma canção que conte minha história, só a minha e de mais ninguém.
Eu procuro seus escritos, seus rabiscos, sua letra.
Que me prove que essa canção é sua, e sendo sua, minha.
Porque eu sei (ou sabia, ou saberei) que foi pra mim que a fez.

17 de jul de 2009

TERAPIA OCUPACIONAL

Essa semana tive que apresentar o Serviço de Terapia Ocupacional dentro da Instituição onde trabalho para alguns funcionários novos, um treinamento que estava sendo dado. Fiquei pensando em como apresentar pra um grupo que reunia técnicos de enfermagem, enfermeiros, funcionários da manutenção e higienização numa linguagem que todos entendessem. Sem muitos termos técnicos e bem explicado, para tirarem da idéia de que Terapia Ocupacional é recreação ou coisa parecida.
Fiz meu texto, coloquei bonitinho no power point e depois achei esse vídeo vasculhando o youtube.

BOA VIAGEM

Estou indo passar o final de semana na companhia da minha mama.
Friozinho, café na cama, almoço em restaurante italiano...ow delicia!
Vou levando meu Godfather (livro), que me parece uma boa companhia para 3 horas de viagem.
Também levo o laptop, caso eu queira convesar um pouquinho no caminho. Já selecionei algumas músicas como soundtrack. Vai ter Michael Jackson (nããããão!) hahaha, vai sim! Jimmy eat world, Zander e mais algumas coisinhas.

"Então te levanta daí e faz o favor de seguir, Boa Viagem!"

13 de jul de 2009

NÃO ACEITO!

minha amiga disse:
"Sabia que eu nunca consegui ver "Godfather" inteiro? Já comecei duas vezes e sempre durmo na cena da cabeça do cavalo!"
eu disse:
"Sai da minha casa!"

huauhauhauhauhauahuahuahauhauhauhau

12 de jul de 2009

24 de jun de 2009

HOJE CONVERSEI COM DEUS...

...e Ele é meu paciente.

Olá, como vai?
Eu vou bem. O que você tá fazendo aqui na ala masculina?
Eu sou Terapeuta, vim conversar com você. Como você está?
Eu? Aonde eu estou mesmo?
No Hospital Psiquiátrico, você não sabia?
Ah é? Aqui não é uma maternidade?
Por que você estaria em uma maternidade?
Porque eu quero. Você não sabe quem eu sou? Não te apresentaram ainda quem EU sou?
Não, quem você é?
Eu? Eu sou Deus...e quero que aqui seja uma maternidade. Vai ter mais sete andares aqui pra cima. Ainda não tem?
O que você acha?
Quando eu quiser vai ter. Porque eu construí isso aqui tudo numa tarde. Essa história de Hospital Psiquiátrico é tudo invenção. Eu aqui porque tinha muita gente me incomodando. Eu tava muito famoso, aí vim pra cá, pra ficar mais isolado e em paz.
Hummmm...sei.
Eu tenho várias mulheres.Você é uma das minhas mulheres?
Não, não sou. Eu sou sua Terapeuta.
Hum, é, da de ver nos seus olhos que você não é mesmo uma das minhas mulheres. Mas eu tenho muitas!
Eu não posso ir lá fora por causa disso. Fica todo mundo me olhando, me secando. Só por isso.
Ta bom, querido. Eu sou Terapeuta Ocupacional e trabalho em um Hospital Psiquiátrico. Preciso conversar com aquele senhor agora que ele me chamou. Outro dia você me conta mais alguma coisa.

...e Ele me abençõou.

Bon, até no nome...

I was walking around, just a face in the crowd
Trying to keep myself out of the rain
Saw a vagabond king wear a styrofoam crown
Wondered if I might end up the same
There's a man out on the corner, singing old songs about change
Everybody got their cross to bare, these days


She came looking for some shelter with a suitcase full of dreams
To a motel room on the boulevard
I guess she's trying to be James Dean
She's seen all the disciples and all the wanna be's
No one wants to be themselves these days
Still there's nothing to hold on to but these days

These days - the stars seem out of reach
These days - there ain't a ladder on these streets
These days - are fast, nothing last in this graceless age
There ain't nobody left but us these days

Jimmy shoes busted both his legs, trying to learn to fly
From a second story window, he just jumped and closed his eyes
His mamma said he was crazy - he said mamma "I've got to try"
Don't you know that all my heroes died
And I guess I'd rather die than fade away

These days - the stars seem out of reach
But these days - there ain't a ladder on the streets
These days - are fast, nothing last in this graceless age
Even innocence has caught the midnight train
And there ain't nobody left but us these days

I know Rome's still burning
Though the times have changed
This world keeps turning round and round and round and round
These days

These days - the stars seem out of reach
But these days - there ain't a ladder on the streets
These days - are fast, love don't last in this graceless age
Even innocence has caught the midnight train

These days - the stars seem out of reach
But these days - there ain't a ladder on the streets
These days - are fast, nothing last
There ain't no time to waste
There ain't nobody left to take the blame
There ain't nobody left but us these days
Ain't nobody left but us these days




Quer ouvir? These Days - [Bon Jovi]

23 de jun de 2009

PARA INE, DE CORAÇÃO!


Casou!
Que seja feliz.
Que ame, que seja amada.
Que brilhe, que sonhe e que realize.
Casou!
Que a emoção desse dia dure.
Que os carinhos desse dia sejam eternos.
Que a dedicação permaneça.
Que a alegria floresça.
E que vivam, sonhem, busquem e me chamem pra madrinha da filharada!

19 de mai de 2009

UMA HISTÓRIA SEM FINAL FELIZ

Ela era uma dona de casa tranquila.
Um dia abriu a porta do apartamento onde morava e conheceu um rapaz.
Ele era irmão de sua vizinha e havia mudado pra casa de sua irmã por ser mais perto da universidade aonde estudava.
Um belo rapaz. Estudantede uma universidade pública muito conceituada, inteligente e bonito, muito bonito.
Eles se envolveram. Tiveram um caso.
Um dia ele sumiu. Se mudou de volta para a casa de sua mãe e não deu mais notícias.
Ela se sentiu abandonada, triste, desiludida.
Um dia ela criou coragem e numa conversa com a vizinha perguntou sobre seu irmão.
De repente uma bomba explodiu sobre seu estômago ao ouvir que o rapaz havia voltado para a casa da mãe porque estava morrendo. Ele era HIV +. Contraiu o vírus de uma antiga namorada da sua turma da faculdade.
Seu mundo caiu. Casara virgem e durante toda vida além do seu marido só o envolvimento com esse rapaz que...não sabia o que pensar.
Fez o exame. Agora ela era mais uma.
Largou seu casamento, não se entendia mais com a familia...terminou numa clínica.

Essa é uma história real.

15 de mai de 2009

PARA ALINE COM AMOR...

Trecho

Quem foi, perguntou o Celo
Que me desobedeceu?
Quem foi que entrou no meu reino
E em meu ouro remexeu?
Quem foi que pulou meu muro
E minhas rosas colheu?
Quem foi, perguntou o Celo
E a Flauta falou: Fui eu.

Mas quem foi, a Flauta disse
Que no meu quarto surgiu?
Quem foi que me deu um beijo
E em minha cama dormiu?
Quem foi que me fez perdida
E que me desiludiu?
Quem foi, perguntou a Flauta
E o velho Celo sorriu.



Vinicius de Moraes

11 de mai de 2009

SONETO DO MAIOR AMOR

Maior amor nem mais estranho existe
Que o meu, que não sossega a coisa amada
E quando a sente alegre, fica triste
E se a vê descontente, dá risada.

E que só fica em paz se lhe resiste
O amado coração, e que se agrada
Mais da eterna aventura em que persiste
Que de uma vida mal-aventurada.

Louco amor meu, que quando toca, fere
E quando fere vibra, mas prefere
Ferir a fenecer – e vive a esmo

Fiel à sua lei de cada instante
Desassombrado, doido, delirante
Numa paixão de tudo e de si mesmo.



Vinícius de Moraes - Oxford, 1938

10 de mai de 2009


MOTHER'S DAY

Hoje é dia das mães. Pelo menos é o dia comercial e o dia que as pessoas param pra lembrar das suas.
A minha veio passar o final de semana comigo. Tínhamos vários planos e muitas coisas pra fazer no sábado e domingo, porém no sábado a noite, quando estávamos em família reunidos pra sair pra jantar e comemorar os 33 anos de casamentos dos meus pais, um tio (irmão do meu pai) ligou.
Quando ele ligou, eu já pensei: "Ih, aconteceu alguma coisa!". Não que ele nunca ligue pro meu pai, mas na véspera de uma data comemorativa e num sábado a noite, alguma coisa tinha...
E teve.
A notícia de que um primo havia morrido.
Triste. Ele tinha a minha idade. Não éramos mais próximos a muito tempo. Mas as lembranças da infância rodavam como um filme antigo na minha memória. Passamos muito tempo juntos na infância. É uma pena que meus pais não tem o hábito de fotografar nem de filmar as coisas, porque a memória as vezes falha.
Nossos pais eram muito amigos. Eles sim cresceram juntos e o amor e a amizade que têm um pelo outro fez com que nós desfizessemos nossos planos de final de semana pra ir à Joinville abraçar e tentar confortar esses pais que tiveram que dar adeus a seu filho.
Foi muito triste ouvir uma mãe dizer: "Não fecha esse caixão agora, eu quero olhar mais um pouco porque vai ser a última vez que eu vou ver o meu filho".
Foi muito triste.
Voltamos pra Florianópolis pros meus pais me deixarem em casa e seguirem mais 200km até Criciúma.
Quando eles saíram eu abracei os dois e falei o quanto eu os amava e o quanto eles são importantes para mim.
Vale a pena sempre lembrar, antes que seja tarde.

27 de abr de 2009

Música Popular Brasileira

Núvem de Lágrimas
(Chitãozinho e Xororó)
Composição: Paulinho Rezende e Paulo Debétio


Há uma nuvem de lágrimas sobre meus olhos
Dizendo pra mim que você foi embora
E que não demora meu pranto rolar!

Eu tenho feito de tudo pra me convencer
E provar que a vida é melhor sem você
Mas meu coração não se deixa enganar!

Vivo inventando paixões pra fugir da saudade
Mas depois da cama a realidade
É só sua ausência doendo demais!

Dá um vazio no peito, uma coisa ruim
O meu corpo querendo seu corpo em mim
Vou sobrevivendo num mundo sem paz!!!

Ah...Jeito triste de ter você
Longe dos olhos e dentro do meu coração!
Me ensina a te esquecer
Ou venha logo e me tire dessa solidão!





Dúvida que seja MPB? Quem não sabe cantar?
Tocou na balada sábado (Rocket) e TODO MUNDO CANTOU! e olha que não era as baladas sertanejas da vida, ein!

22 de abr de 2009

EU AJUDO NA CAMPANHA!

Ajude nessa campanha você também!


http://sindromederobgordon.wordpress.com/2009/04/21/microcampanha-para-a-volta-do-kit-kat/

A CURIOSIDADE MATOU O RATO

Tomo um café e sento a cama, pois sofá se fez um luxo desnecessário neste momento.
Alguns canais emprestáveis, alguns textos com letras embaralhadas e a tela do computador que teima em piscar em laranja.
Os dedos doem, tremem ao teclado.
Nada do que não deveria ser observado poderia estar sob livre acesso.
Ou também a curiosidade humana, esse mal que me atinge, me colocaria nesta situação.
Algumas antigas ideias vão sendo sepultadas neste momento. Por motivos óbvios alguns pensamentos também o serão, apesar da cisma em estarem sempre tentando arrumar um cantinho para que eles possam ficar por ali. Pra sempre? Tomara que não...
Aos poucos vou me convencendo de que não vale a pena cair a tentação,
e volto aos textos e as letras que vão se desembaralhando e criando algum sentido agora.
Mais um café, é claro que eu afim.
Por que que a gente é assim?

30 de mar de 2009

monoicos.blogspot.com

Esse era o mais visitado na categoria ROCK m
E olha isso, ri muito quando eu li (re-li) isso que eu escrevi em 2003.
hahahah


Listas, listas and....mais listas!!!!

Então tá. Resolvi parar e pensar nessa lista (essa semana pensei em muitas listas). É meio chato, porque tu põe uma música ali e depois lembra de mais 27 que poderiam estar naquele lugar. Por outro lado tem umas perguntas que não dá pra lembrar das músicas de jeito nenhum. Bom, já que me perguntaram...

Música que:

Me faz dançar: Romper Stomper (Transplants), Refused Are Fuckin Dead (Refused) – mas aquela do cd nacional, que vem remixada, Fantasmas (Butt Spencer)
Me faz feliz: Vida Blue (All) hahaha...make me happy!!!!
Me faz lembrar de um amigo(a): My Star (Gameface)
Me entristece: Love Hearts (Nazateh) juro!
Me faz querer fazer amor: Satelite of Love (Lou Reed)
Diz muito sobre mim: Acroos the Sea (Weezer), é a única que me veio na cabeça. Na verdade dizia muito, agora nem tanto...
Me faz lembrar alguém significante: Time After Time (Cindy Lauper)
Eu escreveria: Último Romance (Los Hermanos)
Não gostaria de ouvir de novo: Regina Let´s Go! (CPM22), 4 Semanas de Amor (Pedro e Thiago) (não queria ter ouvido nunca, aliás)
Tocaria no meu casamento: Minha Namorada (Vinícius de Moraes)
Tocaria no meu funeral: The End (The Doors) e todo mundo morre de junto, de depressão!
Faz meus amigos lembrarem de mim: hã? Diz aí...
Gostava, mas agora nem tanto: Green Day
Não admito que eu gosto: e agora hein? Não digo, não digo, não digo!!!!
Faria tudo para ouvi-la num show: Patience e Paradise City (Guns)
Me faz lembrar minha infância: Aquarela (Toquinho) quem não queria lápis da faber castell?
Me faz lembrar da minha adolescência: Escravo da T.V. (Ratos) e qqr uma do GN´R
Muitas pessoas gostam, mas eu não: Metallica – me odeio por isso, queria gostar!
Gosto da letra: Iceberg (Dead Fish)
Gosto, e meus pais também: Aquela do Roberto Carlos “olha aqui, presta atenção, essa é a nossa canção...” é mto boa!
É melhor quando tocada no carro: All My Life (Foo Fighters)
Diz como acordo: Monster (L7) hehehe
É melhor ouvida quando está acompanhado(a): todas que não forem aquela que vc quer ouvir sozinho...hehehe
Me faz pensar no sol: What I Got (Sublime)
Me faz pensar na lua: Moon River (Elvis Priesley)
Me faz pensar em sexo: Madonna
Me faz querer estar sozinho: Eu Queria (Againe)
Me faz sorrir: Notorious (Duran Duran) isso é piada interna, sorry!, Do You Love? (Roxette) hehehe, adoro!
Gosto de ouvir em bares: qualquer uma que me surpreenda por estar tocando
Não é do meu tipo, mas eu gosto: Bombs Away (Lagwagon)
Me faz lembrar alguém que eu quero, mas não posso: 20th Century Boy (T-Rex) huuuuummmm.....
Posso cantar bem: Aquela da Marisa Monte “E no meio de tanta gente eu encontrei você. No meio de gente chata sem nenhuma graça, você veio...” (mas não com a voz dela)
Não foi lançada recentemente, mas adoro: After Hours (The Velvet Underground) essa eu AMO!
Queria ter a voz de: Marisa Monte
Queria ter o talento de: Tom Jobim, Pablo Picasso (nooooossa, apavorei agora)
Queria ter a história de: Vinícius de Moraes (esse sim soube viver bem)
É só instrumental, mas eu gosto: 9ª sinfonia (Beethoven)

CADÊ?

a agora o amanhã, CADÊ???

27 de mar de 2009

AH, CLARICE...



Não sei amar pela metade,

não sei viver de mentiras,

não sei voar com os pés no chão.

Gosto dos venenos mais lentos,

das bebidas mais amargas,

das drogas mais poderosas,

das idéias mais insanas,

dos pensamentos mais complexos,

dos sentimentos mais fortes.


Clarice Lispector

MIMIMI, TO MIANDO...

Meu bem já não precisa falar comigo dengosa assim...
Briga, para depois ganhar mil carinhos de mim
Se eu aumento a voz você faz beicinho e chora baixinho
E diz que a emoção dói seu coração...
Já, não acredito se você chora dizendo me amar
Eu sei que na verdade carinhos você quer ganhar...
Um dia gatinha manhosa eu prendo você no meu coração
Quero ver você fazer manha então
Presa no meu coração quero ver você...




Quer ouvir?
[Gatinha Manhosa - Léo Jaime]

11 de mar de 2009

É NAMORO OU AMIZADE?


Hoje sem querer abri uma de suas cartas. A última delas.
Não sei bem exatamente porque, mas agora ela me pareceu mais bonita do que antes.
No dia que a li, me senti um pouco triste, um pouco decepcionada.
Hoje senti como se estivesse lendo uma poesia, um grande desabafo romântico. Me senti feliz.
Fiquei imaginando várias coisas do que foram escritas se concretizando.
Mas eu acho que a parte mais verdadeira agora seria a que você me fala do seu sonho de ser meu amigo e estar sempre ao meu lado, mesmo se eu estivesse com outra pessoa.
Não sei se você ja sabe e não sei qual o modo mais sensato de te dizer que sim, eu estou com outra pessoa agora, e sinto sua falta na minha vida.
Não sei como vai ser daqui pra frente. Não sei se realmente seremos esses amigos que você imaginou. Poderia ser, não é?
Talvez esteja muito cedo. Mas quando será o tempo ideal?
É tão difícil romper com tudo assim de repente. Parece que eu perdi uma parte da minha vida e que eu não poderei recuperá-la.
"Sempre foi mais forte do que eu, e o tempo veio a corroborar com essa criatura maior do que você e eu. Acho que isso é amor."
Você falando de amor...
Será que esse amor foi forte o suficiente? Bom, acredito que pelas circunstâncias em que nos encontramos, a resposta é NÃO.
Aonde esteve o erro? Com quem esteve o erro? Será que houve um erro?
Acho que isso não interessa mais.
"Se te digo que quero ser seu amigo, minto. Mentirei sempre que precisar para estar ao seu lado na esperança de te-la de volta"
Não minta, ou minta, mas não me queira de volta. Não seria certo, não seria justo comigo.
Um dia você me ligou e disse: "Um dia isso ía ter que acabar."
Que seja agora.
Então agora acabou, e que sejamos amigos...



28 de fev de 2009

às vezes eu sou tão fria, tão fria, que eu acabo derretendo...
tudo acontece muito rápido, muito rápido.
não to dando conta de organizar
não to dando conta de pensar sobre...
mas também nem to afim no momento.
chega de pensar muito, chega de planejar
deixa rolar que vai...

né?
e se as paredes pudessem ouvir?
e se depois elas pudessem me contar?
diriam coisas que eu não queria ouvir?
acho que já estou disposta a ouvir tudo.
me falem. AGORA!!!!

18 de fev de 2009

O QUE ME IMPORTA

O que me importa seu carinho agora
Se é muito tarde para amar você
O que me importa se você me adora
Se já não há razão prá lhe querer...
O que me importa ver você sofrer assim
Se quando eu lhe quis você nem mesmo soube dar amor!
O que me importa ver você chorando
Se tantas vezes eu chorei também
O que me importa sua voz chamando
Se prá você jamais eu fui alguém
O que me importa essa tristeza em seu olhar
Se o meu olhar tem mais tristezas prá chorar que o seu!
O que me importa ver você tão triste
Se triste fui e você nem ligou
O que me importa seu carinho agora
Se para mim a vida terminou...




Quer Ouvir?

[O Que Me Importa - MARISA MONTE]

17 de fev de 2009

docemente pálida

e o que restou?
o que restou do tempo?
o que restou da saudade?
o que restou do carinho?
o que restou daqueles dias felizes?

8 de fev de 2009

NEW YORK, NEW YORK...


E HOJE EU CANTO...

"Tinha um sonho, ir pra Nova Iorque levar a namoradaaa...."


hahaha

Se não me leva, pelo menos traz presente!

;p

AH, CLARICE...

Estava pensando na minha falta de inspiração para escrever aqui. Procurando fotos, figuras, textos...alguma coisa que pudesse preencher um pouco o espaço por mim, de certa forma, abandonado.
Nessa minha busca, me tornei até exigente.
Eu não sei o que escrever, mas também não quero por qualquer coisa que qualquer pessoa possa ter escrito para qualquer um ler.
Foi então que olhei pro lado e peguei, numa ânsia meio católica, o livro que estou lendo atualmente: "Perto do Coração Selvagem", de Clarice Linspector e abri, sem escolher, uma página qualquer.
Sabe aquela sensação de pegar a Bíblia, pensar em algo e abrir numa página pra ver se vem do céu alguma resposta? Foi mais ou menos isso que aconteceu.
Abri e li:


"Mas a libertação veio e Joana tremeu ao seu impulso... Porque, branda e doce como o amanhecer num bosque, nasceu a inspiração... Então ela inventou o que queria dizer. Os olhos fechados, entregue, disse baixinho palavras nascidas naquele instante, nunca antes ouvidas por alguém, ainda tenras da criação - brotos novos e frágeis. Eram menos que palavras, apenas sílabas soltas, sem sentido, mornas, que fluíam e se entrecruzavam, fecundavam-se, renasciam num só ser para desmembrarem-se em seguida, respirando, respirando..."
(Clarice Linspector, Perto do Coração Selvagem)