24 de jul de 2009

RABISCOS

Uma canção.
Eu procuro uma canção.
Daquelas que cante o destino mais cruel.
O mais difícil ou o mais sofrido.
Daquelas que cante a partida.
Daquelas que cante a ausência.
Que me faça sofrer e depois que me faça explodir de emoção em cada berro chorado a cada estrofe.
E que no final envolva minh'alma nos acordes da guitarra e me acalme.
Eu procuro uma canção que conte minha história, só a minha e de mais ninguém.
Eu procuro seus escritos, seus rabiscos, sua letra.
Que me prove que essa canção é sua, e sendo sua, minha.
Porque eu sei (ou sabia, ou saberei) que foi pra mim que a fez.

Um comentário:

Paty disse...

é teu amiga? gente!! MARAVILHOSO!!